m
O Correio Lageano é o maior veículo de comunicação da Serra Catarinense e continua sendo uma marca sólida, sinônimo de credibilidade e confiabilidade.
Desenvolvido por

GO UP

7º Festival Internacional Música na Serra

Venha curtir música, aulas, amizades e experiências inesquecíveis…

O Festival Internacional Música na Serra tem data marcada para o inverno serrano, atraindo conterrâneos admiradores de música clássica, turistas e estudantes do Brasil e exterior. Acontece entre 21 e 27 de julho, uma época do ano que encanta o público e traz muitos turistas para a Serra Catarinense em busca das baixas temperaturas e possibilidade de neve que transformam ainda mais as belíssimas paisagens de Lages e região.

A programação artística do festival descentraliza a cultura na Serra Catarinense, através de concertos que ocorrem gratuitamente todas as noites no Teatro Marajoara, em Lages. Nesses concertos apresentam-se músicos que frequentemente tocam nas melhores salas de concertos da Europa e Estados Unidos, uma programação artística desse nível geralmente encontra-se disponível apenas nas grandes metrópoles.

O evento proporciona aos estudantes, através da sua programação pedagógica, a realização de aulas com professores de renome nacional e internacional. Além de uma intensiva prática de orquestra, o aluno também tem a oportunidade de estar diante do público desenvolvendo sua performance artística como solista ou músico de câmara nos Concertos Acadêmicos e Sociais. Os alunos podem participar das aulas de todos os instrumentos que compõem uma Orquestra Sinfônica, além das aulas de Canto Lírico, Canto Coral e ballet.

O Festival busca a cada ano se solidificar como referência no desenvolvimento da Música de Concerto, para todo estado de Santa Catarina e região Sul do país, bem como realizar ações durante todo o ano voltadas para formação de plateia e para o desenvolvimento cultural da Serra Catarinense.

Programação das apresentações no Teatro Marajoara, às 20 horas

21/07 – Domingo

Orquestra Versatilis e Solistas

22/07 – Segunda-feira

Quarteto Coração de Potro & Quinteto Versatilis
Grupo lageano de música nativista, que tem uma sonoridade que reflete influências folclóricas de toda a América Latina se junta ao Quinteto Versatilis, um quinteto de cordas formado por professores do festival e que trará ao palco do Teatro Marajoara a fusão da sonoridade folclórica latina com o acompanhamento dos instrumentos de cordas da orquestra, com arranjos do maestro Jean Reis.

23/07 – Terça-feira

Quinteto Sujeito a Guincho
Quinteto de Clarinetes criado em 1991, o conjunto composto por grandes clarinetistas do país, inclusive o professor de clarinete do FIMS Luís Afonso Montanha. O grupo transita entre o erudito e o popular. No repertório, há espaço para Hermeto Pascoal, Gordurinha, Brahms e Vivaldi.

24/07 – Quarta-feira

Concerto dos Professores
Um dos concertos mais esperados do festival é o concerto de professores. Onde várias formações instrumentais sobem ao palco e trazem uma grande diversidade de repertório para os ouvintes.

25/07 – Quinta-feira

A partir da quinta-feira se iniciam as apresentações dos grandes grupos formados pelo festival e seguem até o encerramento. No dia 25 é a Orquestra Acadêmica, uma orquestra formada com alunos iniciantes em grande maioria de Lages, proporcionando assim, uma oportunidade desses jovens músicos participarem do festival.
O Coro Infanto-Juvenil também é formado com crianças e adolescentes da nossa cidade e que a cada ano vem surpreendendo o público com a qualidade de suas apresentações. E essa grande noite encerra com o Ballet Adulto dirigido e coreografado por Lia Comandulli.

26/07 – Sexta-feira

Apresentação do Ballet Infanto-Juvenil, outro grupo formado com crianças e adolescentes lageanos. Também terá a classe de Canto Lírico, que faz seu tradicional concerto trazendo toda a beleza e expressividade. E, haverá o Coro Música na Serra composto por coralistas de Lages, que recebe pessoas com e sem conhecimentos musicais que tenham interesse de fazer música em conjunto e participar ativamente do festival.

27/07 – Sábado

O concerto de encerramento é o ápice do festival, com a Orquestra Sinfônica Música na Serra, formada pelos alunos bolsistas. Apresentará neste ano um programa de alto nível artístico. O Concerto para Violino e Orquestra de Tchaikovsky, uma obra desafiadora para o solista, que neste concerto será o professor Cármelo de los Santos. Outra grande obra que completa o repertório da noite é a Sinfonia nº 9 do compositor tcheco Antonín Dvořák, popularmente conhecida como sinfonia “Do Novo Mundo”, composta após sua mudança para Nova Iorque, onde Dvořák conhece novos gêneros musicais folclóricos e utiliza esses elementos na sua obra. A regência do concerto de encerramento é do maestro e diretor artístico do festival, Jean Reis.